Moçambicana brilha nos Estados unidos… Ninguém partilha isso

Moçambicana brilha nos Estados unidos… Ninguém partilha isso

1
SHARE

Por lá (Seward County Community College), brilharam Ana Flávia Azinheira – actual vice-ministra da Juventude e Desportos -, Deolinda Ngulela e Ilda Chambe. Lembram-se?

Com Neide Ocuane, uma das grandes promessas do basquetebol moçambicano, não podia ser diferente. Nem tão pouco.

Em noite de inspiração, a base-armadora moçambicana alcançou no passado dia 27 de Janeiro o seu máximo de carreira ao arrancar 24 pontos – superando a anterior de 17 – e ditar a vitória do Seward County Community College diante do Cloud County Community College (83-78), em jogo da 20.ª jornada da Jayhawk Conference (liga de basquetebol universitário dos EUA).

A melhor jogadora (MVP) do “Afrobasket” de juniores em 2013 conduziu, com a sua criteriosa exibição, as “Ladie Saintys” a um registo de 19-1 (dezanove vitórias e uma derrota).

Durante os 38 minutos em que permaneceu na quadra, Ocuane concretizou nove em 17 lançamentos de campo, quatro lançamentos em nove tentativas na linha dos 6.75 metros, seis assistências, três ressaltos defensivos e igual número de roubos de bola.

Produto do torneio Millennium Bim, a basquetebolista contrariou a tradição que indica que, nos últimos 14 anos, o Seward County Community College apenas venceu quatro vezes no ginásio Bryant, em Concordia. Motivado, o Cloud County Community College entrou melhor com um parcial de 5-0 e, no final do primeiro período, o marcador indicava 19-16.

No segundo período, o Cloud County Community College fechou também na liderança do marcador com o parcial de 24-18.

Já no terceiro e quarto períodos, as Ladie Saintys estiveram melhor ofensiva e defensivamente, tendo vencido por 24-18 e 25-17, respectivamente.

Em termos globais, o Seward County Community College obteve uma media de 42.3 por cento na linha dos 6.75 metros (11/26); 87.5 por cento (14-16); 18 assistências, 33 ressaltos e 11 perdas de bola. Para não variar, a 28 de Janeiro, Neide Ocuane foi a melhor “cestinha”  do Seward County Community College na vitória sobre o Barton Community College, por 83-64. Em 39 minutos na quadra, Neide Ocuana arrancou 17 pontos, oito assistências, dois ressaltos e quatro roubos de bola.

Mais: sete lançamentos convertidos em 14 tentados (média de 50 por cento de aproveitamento) e três lançamentos convertidos em sete “projectados” na linha dos 6.75 metros.

As “Ladie Saints” lideraram sempre a marcha no marcador com os parciais de 25-24 (1.º período), 21-13 (2.º período), 18-15 (3.º período) e 19-12 (4.º período).

Fonte: O País

1 COMMENT

LEAVE A REPLY