Segunda-feira, Setembro 27, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasEmbaixada da Suécia coloca crianças entre os mais afectados

Embaixada da Suécia coloca crianças entre os mais afectados

- PUBLICIDADE -

Crianças estão entre os grupos populacionais mais afectados pela violência armada em Cabo Delgado. O alerta foi feito esta terça-feira pela embaixada da Suécia em Moçambique, por ocasião do Dia Internacional da Criança assinalado ontem, 1 de Junho.

Nos últimos seis meses, a Suécia desembolsou cerca de 6,2 milhões de euros para assistência e protecção aos deslocados internos e às comunidades locais da província de Cabo Delgado Cerca de metade deste valor foi entregue ao Programa Mundial para Alimentação (PMA), beneficiando igualmente do apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), a Cruz Vermelha Internacional, o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) e a organização não-governamental (ONG) Save The Children, entre outras entidades que fazem assistência humanitária na província.

Esta segunda-feira, o UNICEF calculou que pelo menos dois mil menores passariam o dia 1 de Junho sem as suas famílias no norte de Moçambique, devido ao conflito armado em Cabo Delgado.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here