Segunda-feira, Setembro 27, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasINAE suspende actividade de uma fábrica de cimento

INAE suspende actividade de uma fábrica de cimento

Dentre 19 de Agosto a 5 de Setembro a Inspecção Nacional de Actividades Económicas em coordenação com outras instituições governamentais de interesse, inspeccionou 2.320 estabelecimentos comerciais, nas quais notou estabilidade nos preços dos produtos alimentares e alguns problemas na comercialização do cimento.

- PUBLICIDADE -

Dentre 19 de Agosto a 5 de Setembro a Inspecção Nacional de Actividades Económicas em coordenação com outras instituições governamentais de interesse, inspeccionou 2.320 estabelecimentos comerciais, nas quais notou estabilidade nos preços dos produtos alimentares e alguns problemas na comercialização do cimento.

Embora não tenha se identificado especulação nos preços de produtos alimentares, no período em análise foram recolhidos diversos produtos fora do prazo, avaliados em 30.000 meticais.

Segundo o porta-voz da INAE, Tomás Timba, é preocupante a qualidade do cimento produzido no país. “Algumas fábricas não têm laboratórios de ensaios internos para poder testar o seu cimento e isto coloca em causa a vida de todos nós”.

E foi este um dos motivos que levou a suspensão de uma fábrica de cimento localizada na cidade da Matola, a qual poupou o detalhe  de citar o nome, não deixando escapar o facto da fábrica não ser certificada.

Falando em conferência de imprensa, Timba exortou à população para que mantenha a calma e não faça compras em quantidade exagerada, pois, a elevada procura favorece o oportunismo por parte de alguns comerciantes

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here