Terça-feira, Setembro 28, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasMais de 1.5 milhões de crianças africanas falharam a primeira dose da...

Mais de 1.5 milhões de crianças africanas falharam a primeira dose da vacina contra sarampo

- PUBLICIDADE -

Dos 47 países membros da Organização Mundial da Saúde (OMS) na região africana apenas menos de 10 estão a caminho de atingir o objectivo da eliminação do sarampo em 2020. Os dados iniciais do primeiro trimestre de 2020 indicam que mais 1,5 milhões de crianças africanas falharam a primeira dose de vacina contra a doença.

Se os serviços de vacinação não retomarem nos próximos meses, muitos bebés e crianças não serão vacinados em toda a região, representado um risco de surtos de sarampo. Estima-se que 52 600 pessoas morreram de sarampo em 2018 em África, na sua maioria crianças com idade inferior a cinco anos, o número poderá e aumentar por causa interrupção da vacinação em alguns países devido à pandemia. Pelo menos nove campanhas de vacinação contra o sarampo em África estão em risco de ser canceladas, o que acontecer poderá resultar em novos surtos em 2020 e nos anos seguintes. Na última semana, quase 15 milhões de crianças foram vacinadas contra o sarampo na Etiópia, num esforço das autoridades de manter serviços essenciais de saúde. Segundo, Matshidiso Moeti, directora regional da OMS para a África, milhões de crianças correm o risco de contrair doenças preveníveis e não se pode esperar o final do COVID-19 para reiniciar as campanhas de imunização. A OMS emitiu directrizes sobre a importância de manter serviços de imunização mesmo durante a pandemia.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here