Segunda-feira, Setembro 27, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasFilipe Nyusi diz que não vai continuar a “mimar assassinos” no centro...

Filipe Nyusi diz que não vai continuar a “mimar assassinos” no centro do país

- PUBLICIDADE -

O Presidente Filipe Nyusi, disse que o grupo dissidente da Renamo acusado de protagonizar ataques armados no centro de Moçambique não está a colaborar para o diálogo, alertando que o Estado “não vai continuar a mimar assassinos”.

Não vamos continuar a assistir e a mimar assassinos. Nós não gostaríamos de embarcar para a força, mas se for necessário, em defesa do povo deste país, cumpriremos o que a lei manda: defender Moçambique”, disse o chefe de Estado moçambicano.

Filipe Nyusi falava durante um encontro com titulares dos órgãos de administração da justiça na Presidência da República, por ocasião do Dia da Legalidade, que se assinala hoje em Moçambique.

Segundo o Presidente, embora o Governo tenha decretado uma trégua unilateral de sete dias, que terminou em 31 de outubro, o grupo dissidente do principal partido de oposição em Moçambique protagonizou ataques entre 26 de outubro e 03 de novembro, mostrando que não tem interesse em dialogar para a paz.

“Como podem ver, há uma ausência total de colaboração para que haja paz em Moçambique, acompanhada de pronunciamentos que podem encorajar estes atos. Trabalharemos com os comandos das Forças de Defesa e Segurança para melhor entender e definir linhas de orientação “, frisou o chefe de Estado.

 

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here