Terça-feira, Setembro 28, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioInternacional‘’África Subsaariana continua com níveis elevados de fome e subnutrição’’, diz IGF

‘’África Subsaariana continua com níveis elevados de fome e subnutrição’’, diz IGF

- PUBLICIDADE -

A África Subsaariana continua com níveis mais elevados de fome e subnutrição. Segundo a informação do Índice Global da Fome (IGF) divulgada esta quarta-feira, há mais de 50 países onde os níveis de fome são considerados graves e alarmante. A projecção do IGF indica que pelo menos 37 países, a nível mundial, não vão conseguir atingir o nível de fome baixo até 2030. Timor-Leste, Chade e Madagáscar são os países que lideram a lista.

Os índices globais de fome baseiam-se nos valores de quatro indicadores subalimentação, emaciação infantil (percentagem de crianças com menos de cinco anos que têm pouco peso para a sua altura, o que reflecte subnutrição aguda), raquitismo infantil (crianças com pouca altura para a idade, reflectindo subnutrição crónica) e mortalidade infantil.

A partir destes valores, o IGF determina o nível de fome numa escala de 100 pontos onde zero é “sem fome”, e depois classifica cada país por gravidade, de “baixa” a extremamente alarmante”. O índice, considera grave o nível de fome em Moçambique.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here