Domingo, Março 7, 2021
Inicio Internacional COVID 19: Conselho de Segurança da ONU apela vacinação coordenada à escala...
- PUBLICIDADE -

COVID 19: Conselho de Segurança da ONU apela vacinação coordenada à escala mundial

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) apela a um esforço global coordenado na vacinação contra a doença COVID-19. A informação foi partilhada esta quartafeira,durante uma vídeoconferência ministerial sobre a área de saúde. Segundo o Conselho de Segurança da ONU, as desigualdades financeiras constatadas na fase inicial do processo colocam todo o planeta em risco.

O secretário geral da ONU António Guterres disse que o mundo precisa de forma urgente de um plano mundial de vacinação que reúna todos os têm poder,e capacidades de produção e financeiras necessárias.

Segundo Guterres o grupo que reúne as 20 maiores economias do mundo – G20 está posicionado para estabelecer um grupo de trabalho de emergência com a tarefa de preparar tal plano mundial de vacinação e coordenar a sua aplicação e financiamento.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -
Top Stories

XipalaPala podcast

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

COVID-19: UNICEF emite alerta para saúde mental de 330 milhões de crianças e adolescentes

Cerca de 330 milhões de crianças e adolescentes confinados no contexto da pandemia da COVID-19 correm risco de desenvolver...

África CDC espera treinar 150 epidemiologistas no continente africano

Cento e cinquenta epidemiologistas serão treinados para aumentar a capacidade das instituições de saúde em África. A iniciativa divulgada,...

PMA prevê expandir ajuda a cerca de 500 mil pessoas em Cabo Delgado

O Programa Mundial de Alimentação (PMA) prevê expandir ajuda a cerca de 500 mil pessoas afectadas pela crise humanitária...

Moçambique espera vacinar 16 milhões de pessoas até 2022

Moçambique quer vacinar 16 milhões de pessoas contra a covid-19 até 2022, meta que corresponde a toda a população...

Cidadão morto por rejeitar cerimónia tradicional em Mandlakazi

Um cidadão de 60 anos de idade foi morto à catanada pelo seu próprio filho, de 27 anos, no...
- PUBLICIDADE -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here