Terça-feira, Setembro 28, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioInternacionalCOVID-19: “Continente africano poderá ficar para trás no acesso às vacinas”, diz...

COVID-19: “Continente africano poderá ficar para trás no acesso às vacinas”, diz OMS

- PUBLICIDADE -

África corre o risco de ficar para trás no acesso às vacinas da COVID-19, na sequência da acumulação de doses nos países ricos. A informação foi revelada esta quinta-feira, pela directora regional para África, da Organização Mundial de Saúde (OMS), Matshidiso Moeti.

A dirigente alertou que a acumulação de vacinas pode prolongar a aprovação e atrasar a recuperação de África. Para a responsável, os trabalhadores da saúde e as pessoas vulneráveis em África necessitam de acesso urgente a vacinas seguras e eficazes.

Apesar das vacinas terem sido administradas em 50 países mais ricos do mundo, a Guiné-Conacri é o único país de renda baixa do continente africano a receber as doses, com apenas 25 pessoas vacinadas até agora.

Seychelles é o único país africano a iniciar uma campanha nacional de vacinação, com 50 mil doses de vacinas. O país africano pretende vacinar 25 mil pessoas do total de 98 mil habitantes que o país possui até o primeiro semestre deste ano. A OMS para África garantiu que o continente vai vacinar pelo menos 20 por cento da população até ao final deste ano.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here