Quinta-feira, Setembro 23, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasCOVID-19: Governo moçambicano anuncia que pode voltar a interromper aulas presenciais

COVID-19: Governo moçambicano anuncia que pode voltar a interromper aulas presenciais

- PUBLICIDADE -

O Governo moçambicano pode voltar a interromper as aulas presenciais no país caso não sejam cumpridas as medidas de prevenção contra a COVID-19. O alerta foi dado pelo Presidente da República, Filipe Nyusi, na última sexta-feira, durante a cerimónia de abertura oficial do ano lectivo 2021.

A abertura do ano lectivo 2021, que decorreu na passada sexta-feira em Nampula, teve como lema “Por uma Educação Inclusiva, Patriótica e de Qualidade”. Na ocasião, o chefe do Estado pediu aos alunos que cumprissem rigorosamente todas as medidas recomendadas para a prevenção da COVID-19, principalmente em casa e na escola.

As aulas em Moçambique arrancam hoje, 22 de Março, para cerca de oito milhões de alunos da primeira a décima segunda classe. A retoma das aulas no contexto da pandemia será marcada por divisão de turmas, aulas em grupos alternados e aos sábados.

O Governo moçambicano investiu o equivalente a 39,5 milhões de euros na construção e reabilitação de casas de banho e sistemas de abastecimento de água nos estabelecimentos de ensino para prevenção da COVID-19.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here