Segunda-feira, Setembro 20, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasCOVID-19: Pandemia interrompe serviços oncológicos em quase metade dos países em África

COVID-19: Pandemia interrompe serviços oncológicos em quase metade dos países em África

- PUBLICIDADE -

Quase metade dos países em África interromperam o rastreio e tratamento do cancro infantil e outras doenças devido à pandemia da COVID-19. A informação foi divulgada na última semana pela Organização Mundial da Saúde (OMS), através de uma nota informativa.

Segundo o documento da OMS, as medidas preventivas para conter o coronavírus no continente fez com que mais da metade dos serviços oncológicos fossem suspensos em, aproximadamente, 13 por cento dos países no continente.

A informação surge num contexto em que uma média de apenas 20 por cento das crianças com algum tipo de cancro no continente sobrevivem. A região da África Subsaariana é a mais afectada do continente. As estimativas da OMS indicam que só em 2020, mais de 28 mil crianças morreram de cancro na região.

O coordenador do Programa de Doenças Não Transmissíveis da OMS em África, Jean-Marie Dangou, lamentou as perdas e salientou que “cancros infantis são cur]aveis se tiverem cuidados abrangentes”.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here