Quinta-feira, Dezembro 2, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasFAO considera difícil a possibilidade de erradicar a fome até 2030 em...

FAO considera difícil a possibilidade de erradicar a fome até 2030 em Moçambique

Moçambique regista um elevando índice de pessoas que passam fome, o que pode dificultar algumas acções para erradicar este problema, associado à má-nutrição, até 2030.

- PUBLICIDADE -

Moçambique regista um elevando índice de pessoas que passam fome, o que pode dificultar algumas acções para erradicar este problema, associado à má-nutrição, até 2030. A informação foi revelada pelo representante da Organização da Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), em Moçambique, Hernâni Coelho da Silva.

Silva considera que o sucesso nessa frente depende de uma serie de acções conjuntas. A posição geográfica de Moçambique torna o país mais vulnerável às mudanças climáticas. O fenómeno faz com que a FAO intensifique as suas acções no terreno, onde outros factores conjugados causam o problema.

Uma análise do Programa Mundial para Alimentação (PMA), mostra que se a temperatura global aumentar dois graus Celsius, mais 189 milhões de pessoas de todo mundo vão enfrentar problemas de fome. Segundo o PMA, a maioria das comunidades vulneráveis depende da agricultura, da pesca ou da criação de gado para sobreviver. O governo vai alocar pelo menos dez por cento do Orçamento Geral do Estado para o sector de agricultura.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here