Quinta-feira, Dezembro 2, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioSociedadeHá falta de camas para internamentos e cuidados de bebés prematuros no...

Há falta de camas para internamentos e cuidados de bebés prematuros no HCN

O Serviço de Neonatologia do Hospital Central de Nampula (HCN) registou, nos últimos nove meses do ano em curso, 467 casos de bebés prematuros, o que corresponde a oito por cento. Destes, 183 são nados mortos, equivalente a 39 por cento de casos.

- PUBLICIDADE -

O Serviço de Neonatologia do Hospital Central de Nampula (HCN) registou, nos últimos nove meses do ano em curso, 467 casos de bebés prematuros, o que corresponde a oito por cento. Destes, 183 são nados mortos, equivalente a 39 por cento de casos.

Em 2019, foram atendidos 434 bebés prematuros, o que coloca o hospital em situação difícil, pois possui actualmente 55 camas nos seus serviços neonatais. Por conta deste défice os profissionais de saúde afectos naquela unidade sanitária veem-se obrigados a colocar mais de dois bebés na mesma incubadora.

A médica pediatra em serviço no HCN, Rita dos Santos, disse que para além da prematuridade, existem outras patologias que necessitam de uma incubadora para os cuidados, como a Sespses NN infecção generalizada no organismo, asfixia perinatal provocada por má oxigenação no fecto e depressão ao nascer.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here