Quinta-feira, Dezembro 2, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioNotíciasPrematuridade considerada a principal causa de morte em crianças menores de cinco...

Prematuridade considerada a principal causa de morte em crianças menores de cinco anos

Estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que a prematuridade atinge 15 milhões de crianças todos os anos em todo o mundo, e deste número, cerca de um milhão de crianças, menores de cinco anos, morrem todos os anos devido a complicações do parto prematuro.

- PUBLICIDADE -

Estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que a prematuridade atinge 15 milhões de crianças todos os anos em todo o mundo, e deste número, cerca de um milhão de crianças, menores de cinco anos, morrem todos os anos devido a complicações do parto prematuro.

Segundo a OMS, Moçambique está na lista dos dez países do mundo com as taxas mais elevadas de nascimento prematuro, com uma taxa de 16 por 100 nascidos vivos. A maioria das crianças que sobrevivem, enfrentam uma vida inteira de dificuldades de aprendizagem, problemas visuais e auditivos, entretanto, é possível evitar o nascimento prematuro antes mesmo da gestação, com o planeamento familiar adequado e o acompanhamento pré-natal.

“A identificação tardia da gravidez, a demora no inicio do pré[1]natal e o tratamento inadequado de infecções e doenças que trazem prejuízos à saúde da mãe ou do feto, são os principais factores de riscos para um nascimento antecipado”. Referiu Luzidina Martins, médica pediatra responsável pelo berçário do Hospital Geral de Mavalane, na cidade de Maputo. No programa Saúde e Vida desta semana saiba como prevenir a prematuridade

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here