Segunda-feira, Outubro 18, 2021
- PUBLICIDADE -spot_img
InicioSociedadeTabus sobre o período menstrual faz cinquenta alunas não terminarem o ano...

Tabus sobre o período menstrual faz cinquenta alunas não terminarem o ano lectivo em Manica

- PUBLICIDADE -

A falta de condições económicas, aliado aos vários tabus existentes em torno do período menstrual, são apontados como os principais factores de abandono escolar das raparigas no distrito de Tambara, na província de Manica.

Segundo dados da Save The Children, indicam que até 2019, em média, 50 alunas em idade menstrual não terminavam o ano lectivo. Ester João, de 14 anos, perdeu 198 aulas, quase um terço do ano lectivo 2019/20, por conta dos tabus associados ao período menstruação. Ester conta, por exemplo, que a rapariga no estado menstrual não pode frequentar lugares públicos ou sequer encostar[1]se com colegas que não estejam na mesma condição.

O director distrital de Educação, Juventude e Tecnologia de Tambara, Samisson Cumbuia, disse que o número de raparigas que não assistiam às aulas, se estivessem no período menstrual chegava a ultrapassar os 50 e que os tabus variam por região. Segundo dados do Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH), 8,9 por cento dos alunos, de ambos os sexos, de todo o país, abandonaram a escola e 12,5 por cento reprovaram.

Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento. Ao se inscrever no nosso newsletter, você concorda com nossos Termos de uso e Política de privacidade.

- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img
spot_img
- PUBLICIDADE -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here